Mulheres articulam o maior 8 de março da história

Em Plenária foram articuladas as ações que serão realizadas na jornada do mês das mulheres

Escrito por: Ascom CUT-PB • Publicado em: 07/02/2018 - 11:09 • Última modificação: 07/02/2018 - 11:31 Escrito por: Ascom CUT-PB Publicado em: 07/02/2018 - 11:09 Última modificação: 07/02/2018 - 11:31

Reprodução

Mulheres de várias regiões do Estado da Paraíba e de diversos segmentos participaram no último sábado (3), no auditório da Fetag, em João Pessoa, de uma  Plenária Estadual para definir a pauta e a programação da Jornada do 8 de Março. Mais de 80 sindicalistas, feministas e representantes de movimentos sociais marcaram presença.

Na abertura do evento foi realizado um momento político com uma reflexão sobre os desafios e sobre as ações de enfrentamento que serão realizadas ao longo do ano, ao final da atividade foi definido que o 8 de Março de 2018 terá a mesma dimensão do ano passado, onde será realizado o Ato Unitário em João Pessoa e o fortalecimento do apoio ao Ato das Mulheres do Polo da  Borborema - Ato pela Vida das Mulheres e pela Agroecologia, respeitando todas as iniciativas de ações/atos, alusivos ao Dia Internacional da Mulher que estão sendo organizados em algumas regiões ou entidades representativas.

Para a secretária de mulheres da CUT, Luzenira Linhares, a atividade foi um  importante passo para a construção do 8 de Março na Paraíba. “Foi um momento muito importante de construção coletiva, mais de 80 mulheres, dos mais diversos segmentos da sociedade entre movimento de mulheres feministas, movimentos sociais, movimento sindical, mulheres de partidos políticos, e mulheres autônomas, trouxeram suas bandeiras de luta e suas pautas para fortalecer todo o processo de realização do ato”, reiterou.

Ao passo em que se aproxima da jornada, as comissões estão se reunindo semanalmente para efetivar as demandas e os encaminhamentos deliberados na plenária. A próxima reunião será realizada nesta quinta-feira (8), às 19h, no auditório do Sintep-PB.

 

Título: Mulheres articulam o maior 8 de março da história, Conteúdo: Mulheres de várias regiões do Estado da Paraíba e de diversos segmentos participaram no último sábado (3), no auditório da Fetag, em João Pessoa, de uma  Plenária Estadual para definir a pauta e a programação da Jornada do 8 de Março. Mais de 80 sindicalistas, feministas e representantes de movimentos sociais marcaram presença. Na abertura do evento foi realizado um momento político com uma reflexão sobre os desafios e sobre as ações de enfrentamento que serão realizadas ao longo do ano, ao final da atividade foi definido que o 8 de Março de 2018 terá a mesma dimensão do ano passado, onde será realizado o Ato Unitário em João Pessoa e o fortalecimento do apoio ao Ato das Mulheres do Polo da  Borborema - Ato pela Vida das Mulheres e pela Agroecologia, respeitando todas as iniciativas de ações/atos, alusivos ao Dia Internacional da Mulher que estão sendo organizados em algumas regiões ou entidades representativas. Para a secretária de mulheres da CUT, Luzenira Linhares, a atividade foi um  importante passo para a construção do 8 de Março na Paraíba. “Foi um momento muito importante de construção coletiva, mais de 80 mulheres, dos mais diversos segmentos da sociedade entre movimento de mulheres feministas, movimentos sociais, movimento sindical, mulheres de partidos políticos, e mulheres autônomas, trouxeram suas bandeiras de luta e suas pautas para fortalecer todo o processo de realização do ato”, reiterou. Ao passo em que se aproxima da jornada, as comissões estão se reunindo semanalmente para efetivar as demandas e os encaminhamentos deliberados na plenária. A próxima reunião será realizada nesta quinta-feira (8), às 19h, no auditório do Sintep-PB.  



Informativo CUT PB

Cadastre-se e receba periodicamente
nossos boletins informativos.