Sinttel-PB realiza ato contra os casos de Assedio Moral que vem ocorrendo na empresa

Sindicato denuncia abusos e assédio moral

Escrito por: Sinttel-PB • Publicado em: 02/02/2018 - 16:01 Escrito por: Sinttel-PB Publicado em: 02/02/2018 - 16:01

Sinttel-PB

Devido as diversas denúncias de assédio moral, abusos de poder e pressões psicológicas sofridas pelos trabalhadores da Contax, o Sinttel-PB realizou na manhã desta sexta-feira, 02, um ato público em frente a empresa, denunciando os casos e exigindo providências da Contax para solucionar, de vez, esses e outros casos graves. O ato contou com o apoio e participação dos trabalhadores e trabalhadoras, como também com o apoio e presença de diversas representações como CUT, FITRATELP, Marcha Mundial de Mulheres, MLC, deputada Estela Bezerra, Anzio Maia e representação do mandato do Vereador Marcos Henriques.

A pressão surtiu efeito. A empresa entendeu a gravidade dos problemas e sinalizou uma reunião com o sindicato no dia 07 de fevereiro, onde serão discutidos os assédios e perseguições aos trabalhadores, a limitação de Pausa Banheiro, o tratamento inadequado com as grávidas, o sistema de plataforma de trabalho e as constantes alterações de horário de trabalho. Além disso, haverá uma Mesa Redonda no dia 08, no Ministério do Trabalho para discutir os casos de assédio.

O Assédio moral e sexual são um dos principais problemas enfrentados pelos trabalhadores nos últimos tempos e as mulheres têm sido as mais atingidas por essa violência no trabalho. Infelizmente, essa realidade tem estado cada vez mais presente no dia-a-dia do setor de telecomunicações, principalmente nos Call Center. E na Contax não é diferente! O Sinttel-PB recebeu várias denúncias de trabalhadores relatando assédios que vem acontecendo dentro da empresa. Imediatamente, o sindicato convocou uma reunião com representantes da empresa, realizada no último dia 22, para tratar este problema grave do assédio moral e outros assuntos. Não foram casos isolados! É inadmissível que a Contax, diante dos fatos, continue a fazer vistas grossas sobre o caso ao invés de buscar soluções imediatas. Não iremos admitir que os trabalhadores continuem sofrendo abusos e pressões psicológicas diariamente.

Durante a reunião, a empresa recebeu a Pauta contendo, não apenas o caso do assédio, mas outras denúncias dos trabalhadores como pausas para banheiro, férias, aplicação indevida das escalas pedagógicas, entre outros relatos. O resultado satisfatório do ato de hoje só mostra a força dos trabalhadores que, juntos ao sindicato, conseguem alcançar o objetivo. Contamos com os companheiros e companheiras da Contax para continuar denunciando e também para estar junto conosco nessa luta. O sindicato é feito por vocês e só temos força quando nos unimos! Fiquem atentos aos próximos informativos!

Título: Sinttel-PB realiza ato contra os casos de Assedio Moral que vem ocorrendo na empresa, Conteúdo: Devido as diversas denúncias de assédio moral, abusos de poder e pressões psicológicas sofridas pelos trabalhadores da Contax, o Sinttel-PB realizou na manhã desta sexta-feira, 02, um ato público em frente a empresa, denunciando os casos e exigindo providências da Contax para solucionar, de vez, esses e outros casos graves. O ato contou com o apoio e participação dos trabalhadores e trabalhadoras, como também com o apoio e presença de diversas representações como CUT, FITRATELP, Marcha Mundial de Mulheres, MLC, deputada Estela Bezerra, Anzio Maia e representação do mandato do Vereador Marcos Henriques. A pressão surtiu efeito. A empresa entendeu a gravidade dos problemas e sinalizou uma reunião com o sindicato no dia 07 de fevereiro, onde serão discutidos os assédios e perseguições aos trabalhadores, a limitação de Pausa Banheiro, o tratamento inadequado com as grávidas, o sistema de plataforma de trabalho e as constantes alterações de horário de trabalho. Além disso, haverá uma Mesa Redonda no dia 08, no Ministério do Trabalho para discutir os casos de assédio. O Assédio moral e sexual são um dos principais problemas enfrentados pelos trabalhadores nos últimos tempos e as mulheres têm sido as mais atingidas por essa violência no trabalho. Infelizmente, essa realidade tem estado cada vez mais presente no dia-a-dia do setor de telecomunicações, principalmente nos Call Center. E na Contax não é diferente! O Sinttel-PB recebeu várias denúncias de trabalhadores relatando assédios que vem acontecendo dentro da empresa. Imediatamente, o sindicato convocou uma reunião com representantes da empresa, realizada no último dia 22, para tratar este problema grave do assédio moral e outros assuntos. Não foram casos isolados! É inadmissível que a Contax, diante dos fatos, continue a fazer vistas grossas sobre o caso ao invés de buscar soluções imediatas. Não iremos admitir que os trabalhadores continuem sofrendo abusos e pressões psicológicas diariamente. Durante a reunião, a empresa recebeu a Pauta contendo, não apenas o caso do assédio, mas outras denúncias dos trabalhadores como pausas para banheiro, férias, aplicação indevida das escalas pedagógicas, entre outros relatos. O resultado satisfatório do ato de hoje só mostra a força dos trabalhadores que, juntos ao sindicato, conseguem alcançar o objetivo. Contamos com os companheiros e companheiras da Contax para continuar denunciando e também para estar junto conosco nessa luta. O sindicato é feito por vocês e só temos força quando nos unimos! Fiquem atentos aos próximos informativos!



Informativo CUT PB

Cadastre-se e receba periodicamente
nossos boletins informativos.